sexta-feira, 20 de setembro de 2019

E quando ela resolve ceder...



Quando chego em casa e ela diz que resolveu finalmente transar com outro homem: "Mas não vá se empolgando, viu? Não vou sair dando toda hora e para tudo que é macho igual você gostaria que eu fizesse, seu depravado!" Aperto sua bunda, mordo-a, beijo-a e, depois de nos enchermos de beijos e carinhos, ela me olha bem nos olhos e pergunta baixinho: "Posso mesmo escolher quem eu quiser? Até um amigo seu, desses que vem aqui em casa?"

Que diálogo fantástico!


Tema polêmico...


Uns gostam, outros nem tanto... o termo não agrada a todos. Uns se sentem excitados em serem chamados de “corno”, gostam do termo “chifre”, se excitam em serem “traídos”. Já outros argumentam que, sem tem consentimento não é traição. Não gostam de serem chamados de cornos pois corno é aquele que foi traído, enganado, que a esposa mente e dá pra outro sem que ele saiba. Essa palavrinha que para uns pode ser tão excitante e estimulante, para outros às vezes soa como ofensiva e depreciativa. E você, gosta de levar chifre ou apenas gosta de saber que a sua mulher transa com outros?